Dia do Pai – o trabalho de mãos e de afetos

  O que você faz com as suas mãos tem um efeito imediato no seu cérebro.     Um número significativo de investigações educacionais tomam como referência os trabalhos manuais para conseguir canalizar as emoções ou sentimentos problemáticos: “é um facto que o trabalho manual nos predispõe a ter pensamentos e atitudes mais positivas”.  

Cinco formas de “cultivar” a felicidade nas escolas

Nas pesquisas que fiz, deparei-me com um artigo interessante da Porvir; no qual remetia para Elena Aguilar, especialista norte-americana em educação, sugestões “simples e práticas” para estimular os professores a cultivarem a felicidade nas escolas. Numa entrevista do portal Edutopia, Elena Aguilar, que tem experiência como docente nas escolas da Califórnia, refere cinco ideias sobre  esta temática. " 1. ...

Resposta para os meus seguidores no Brasil

Aos meus estimados seguidores do outro lado do Oceano Atlântico ( S. Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Campo Grande, Florianópolis...) , "irmãos" de língua e de afetos, informo que me tem sido muito difícil responder aos vossos pedidos no que diz respeito ao desenvolvimento do Programa MindUP no Brasil. Também  informo que não sou a pessoa mais ...

A saúde emocional na infância “é a chave para a felicidade futura” – um artigo a ler

  Depois de investigar os fatores na vida de uma pessoa que podem melhor predizer se levarão uma vida plena, uma equipe liderada por um dos principais especialistas em “felicidade” do Reino Unido, o Professor Richard Layard, apresentou uma resposta que pode ser considerada controversa.   Layard e seus colegas no programa de pesquisa Wellbeing, do Centro de ...

Calendário do Advento e da Generosidade

As crianças aprendem a ser generosas A generosidade é a atitude de uma pessoa para ser útil e dedicada a outra pessoa. A pessoa generosa é nobre, desprendida e sabe compartilhar, dividir. Quando as crianças são pequenas, tudo é seu e de ninguém mais. Tudo só pertence a elas. Custa para as crianças dividir e entender ...

Exemplos de exercícios “Atenção Plena” – 1º ano

A pedido dos leitores deste blogue, apresento em traços gerais o que faço nas sessões do projeto "CATIVAR - 2017/2018", nas  16 turmas do 1º ano de escolaridade: inicio, as sessões de sessenta minutos, com a realização de uma "curta" série de exercícios de mindfulness, seguido da audição e exploração oral/reflexão crítica de uma obra literária ...

“Quem sou eu?” – as perceções dos alunos do 1º ano

Trabalhar as emoções desde cedo é imprescindível. Esta é a grande aposta pedagógica do “CATIVAR” para este ano letivo (2017/2018). Sabendo que o (re)conhecimento das emoções irá proporcionar a compreensão, a lidar melhor com as situações e o com aquilo que sentimos, solucionar conflitos com mais facilidade e com menos sofrimento. Este será um dos grandes ...

Inteligência Emocional nas escolas – um artigo do “Educare”

  Andreia Lobo apresenta-nos um artigo assaz interessante sobre os "Programas para ensinar competências emocionais".   No seu artigo, no "Educare" de outubro de 2017, refere que os especialistas em inteligência emocional, uma área da Psicologia, garantem que ensinar os alunos a conhecerem e a regularem as suas emoções é a melhor forma de potenciar resultados escolares e ...

“Tromba Tromba”- uma lição sobre preconceito e tolerância

Respeitar a princípios éticos como o respeito às diferentes culturas, identidades e singularidades são aprendizagens significativas que se fazem na família e na escola. Como levar esses princípios de forma concreta e eficaz para os pequenos? É possível trabalhar as diferenças e o preconceito com crianças dos 5 aos 8 anos? Na minha pesquisa, encontrei ...