“Quem sou eu?” – as perceções dos alunos do 1º ano

Trabalhar as emoções desde cedo é imprescindível. Esta é a grande aposta pedagógica do “CATIVAR” para este ano letivo (2017/2018).

Sabendo que o (re)conhecimento das emoções irá proporcionar a compreensão, a lidar melhor com as situações e o com aquilo que sentimos, solucionar conflitos com mais facilidade e com menos sofrimento. Este será um dos grandes objetivos do projeto.

Reconhecer as emoções é importante também por proporcionar o desenvolvimento da “empatia” nas crianças, que é, em linhas gerais, a capacidade de compreender e se colocar no lugar do outro. Quando a criança aprende a nomear e a reconhecer as emoções, sabe identifica-las não somente em si, mas também nos outros.

Este é o primeiro passo então para desenvolver as habilidades emocionais e a empatia. Inicia-se, assim, o processo de inteligência emocional, que favorece também a aprendizagem.

 

 

 

Iniciamos as primeiras sessões com a leitura e a exploração oral do “Filipe Feliz” da psicóloga Rita Castanheira Alves (Coleção Emoções).Ficam aqui as primeiras evidências de cariz artístico.

Saliento a observação, a curiosidade e a consciência ecológica  de alguns alunos que incluíram o factor “chuva” no seu desenho.

(Visited 240 times, 1 visits today)

Sem comentários ainda.

Deixar um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *